Nódoa no Brim Edição #46 | Junho/2017

Por | 3 de julho de 2017
foto Matéria da capa

Arte e Riso em Lima Barreto

Elizabete Barros (UnB)

Dizia o conto popular que um povo se matou em nome da caça ao ouro: o perfaço desse ouro derivava dos ossos daqueles que já haviam morrido. Como era farto o cemitério da matéria prima da riqueza! Mas, quando todo um povo quer se alimentar do mesmo pão, não há Deus que dê conta da saciedade dessa gente. A singela história é o núcleo de A Nova Califórnia, conto de Lima Barreto que faz uma brincadeira com a ganância do homem. Ouçamos a obra: A desinteligência não tardou a surgir; os mortos eram poucos e não bastavam para satisfazer a fome dos vivos. Houve facadas, tiros, cachações. Pelino esfaqueou o turco por causa de um fêmur e mesmo entre as famílias questões surgiram. Unicamente, o carteiro e o filho não brigaram. Andaram juntos e de acordo e houve uma vez que o pequeno, uma esperta criança de onze anos, até aconselhou ao pai: “Papai, vamos aonde está a mamãe; ela era tão gorda… (BARRETO, 2010, p. 70).

p 01

p 02

p 03

p 04

 

O Núcleo Estudos da Literatura Wlademir Dias Pino foi criado pela Resolução n.180/2007 – CONEPE, em 07 de dezembro de 2007. Surgiu do grupo de pesquisa Estudos da Literatura de Mato Grosso, cadastrado no CNPq e liderado por Walnice Vilalva e Tieko Miyazaki.

Autor: Núcleo Wlademir Dias Pino

O Núcleo Estudos da Literatura Wlademir Dias Pino foi criado pela Resolução n.180/2007 – CONEPE, em 07 de dezembro de 2007. Surgiu do grupo de pesquisa Estudos da Literatura de Mato Grosso, cadastrado no CNPq e liderado por Walnice Vilalva e Tieko Miyazaki.

One thought on “Nódoa no Brim Edição #46 | Junho/2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *